sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Chico Xavier e as confusões apocalípticas

Chico Xavier e as confusões apocalípticas

Por Artur Felipe Azevedo

Na edição 439 do jornal "Folha Espírita", foi lançado um artigo escrito pela senhora Marlene Nobre em que constam supostas "revelações" do médium Francisco C. Xavier sobre o futuro do planeta e, mais especificamente, sobre o Brasil. E, mais uma vez, assanharam-se os apocalíticos de plantão em saírem por aí afirmando que, desta feita, não têm eles mais dúvida: de 2019 não passa!

Já tratamos deste tema em outras oportunidades através dos artigos abaixo linkados e relacionados, em que discorremos sobre as previsões de Ramatis que se revelaram totalmente falsas e fantasiosas:


Desta feita, transcreveremos inicialmente a excelente análise sobre o tema realizada pelo escritor e estudioso espírita Sérgio F. Aleixo, atual vice-presidente da Associação de Divulgadores do Espiritismo do Rio de janeiro (ADE-RJ):

CHICO XAVIER: DEFINITIVAMENTE, OUTRA RELIGIÃO!

Faz algum tempo, afiancei que caducaram por completo os prognósticos ao final do capítulo XXV do livro A Caminho da Luz (F.E.B., 1939), de Emmanuel.[1] O jesuíta assegurava ali, evidentemente em falso, que eram chegados os tempos em que as forças do mal seriam compelidas a abandonar as suas derradeiras posições de domínio nos ambientes terrestres; que se vivia na Terra, à época, um crepúsculo, ao qual sucederia ainda profunda noite, e que, ao século XX é que competiria a missão do desfecho desses acontecimentos espantosos.

Justo agora, num jornal "espírita" de grande circulação, entrevistado pela festejada Dr.ª Marlene Nobre, o Ilmo. Sr. Geraldo Lemos Neto participa as revelações que, em 1986, Chico Xavier lhe fez sobre o futuro reservado ao nosso planeta e seus habitantes nos próximos anos, finalizando com esta pérola emmanuelina: "As profecias são reveladas aos homens para não serem cumpridas". De fato, as do suposto ex-senador de Roma, sem dúvida advogando aí em causa própria, nunca se cumpriram.

Kardec já advertira em A Gênese, XVI, 16, que "os espíritos realmente sábios nunca predizem nada com épocas determinadas", bem como "se pode ter por certo que, quanto mais circunstanciadas as predições, mais elas são suspeitas". Portanto, definitivamente, nada tem que ver com o Espiritismo, doutrina codificada por Allan Kardec, essa nova religião, essa nova Igreja chamada Federação Espírita Brasileira, que sempre teve por ícones mui dóceis de sua propaganda antidoutrinária o médium Chico Xavier e todos os seus guias e congêneres, agora erigidos em profetas apocalípticos.

De acordo com as tais revelações,[2] surpreendentemente não por decisão própria, mas ouvindo o apelo de outros seres angelicais de nosso sistema solar, Jesus convocou, em julho de 1969, reunião destinada a deliberar, na atmosfera terrestre, sobre o futuro de nosso planeta. Fico a imaginar se a convocação foi mediante algum satélite por ali disponível... A razão do apelo, pasmem: a chegada do homem à Lua naquele mês.

Jesus, pelo visto, não se abalou. Foi atendendo aos seus pares do sistema solar que marcou o conclave celeste. Depois de muitos diálogos, debates e sugestões, mesmo ante o receio e a indisposição de algumas potências angélicas presentes, o Mestre concedeu-nos uma "última chance" e "todas as injunções cármicas previstas para acontecerem no final do século XX" (eufemismo empolado para o fim do mundo) "foram suspensas". Mais não parecem desse modo, pelo evidente conflito, deuses mitológicos que espíritos puros?

Pois bem. Revogadas assim, de improviso, as disposições anteriores, Emmanuel estaria livre da acusação de falso profetismo. Contudo, neste caso, menos interessa que suas profecias não se hajam cumprido do que o simples fato de haver predito acontecimentos espantosos para época determinada, o que espíritos verdadeiramente sábios nunca, nunca fazem. Além do mais, em A Gênese, XVIII, 26, aprende-se:

'A Terra, no dizer dos espíritos, não deve ser transformada por um cataclismo que aniquilaria subitamente uma geração. A geração atual desaparecerá gradualmente, e a nova a sucederá da mesma maneira, sem que nada seja mudado na ordem natural das coisas. Tudo, pois, se passará, exteriormente, como de hábito [...] Assim, aqueles que esperam ver a transformação ocorrer através de efeitos sobrenaturais e maravilhosos ficarão decepcionados.'

Mas voltemos ao monte Olimpo. Para tranquilizar as potências angélicas receosas e indispostas com a dilação que obteve do prazo para o fim do nosso mundo em mais 50 anos além do antes previsto, Jesus impôs às nações mais desenvolvidas e responsáveis da Terra (impôs como?) que não lançassem a III Guerra. Basta evitarem isso até 2019 e nosso mundo será admitido no sistema solar na condição de planeta de regeneração. Oras! Se um espírito apenas sábio nada prediz com época marcada, que se dirá de um espírito puro como Jesus, a fazê-lo em meio à indisposição receosa de alguns de seus pares.

Daí por diante, apesar de Chico Xavier dizer a G. L. Neto que "nenhum de nós pode prever os avanços que se darão a partir dessa data de julho de 2019", o próprio Chico, pasmem, instado pelo interlocutor, passa a enumerá-los, desde a erradicação da pobreza, passando pelo fabrico de aparelhos para conversas com desencarnados, até a permissão expressa de Jesus aos extraterrestres, a fim de que nos ofertem tecnologias inimagináveis.

O mais assombroso, porém, são as previsões para a hipótese de o homem iniciar a III Guerra até 2019, que será, nesse caso, terminada por uma reação colossal das forças telúricas do planeta, inviabilizando a vida no hemisfério norte e abrindo um período de reconstrução de mais de mil anos. Isso levaria, pasmem de novo, a uma invasão autorizada pela O.N.U. ao hemisfério sul. Parece o filme O Dia Depois de Amanhã.

E restará aos brasileiros, além de só um quarto do seu território, a obrigação de "exemplificar a verdadeira fraternidade cristã", ensinando aos invasores os mais altos valores de espiritualidade. Aprenderão com os norte-americanos o respeito às leis, o amor ao direito, à ciência e ao trabalho; com os europeus, o amor à filosofia, à música erudita; com os asiáticos o respeito ao dever, etc. Um povo que precisa aprender o respeito às leis e o amor ao direito com invasores norte-americanos irá ensinar-lhes, em contrapartida, os mais altos valores de espiritualidade... Surreal!

Outra providência dos deuses gregos, agora na atmosfera do nosso planeta travestidos de seres angélicos, foi que, desde 2000 (suposto ano da volta de Emmanuel), só permitem reencarnar aqui mansos, brandos, amorosos e pacíficos, sendo os recalcitrantes no mal encaminhados a mundos atrasados, o maior deles, Quírom, ou Kírom. Todos os que hoje têm no máximo 11 anos integrariam, pois, esse exército de brandos. Matemática canhestra. Decerto, se trata de outra profecia a não se cumprir. E tudo bem. Afinal, é para isso que as profecias, segundo Emmanuel, são reveladas, sobretudo as dele.

Toda essa mixórdia ridícula integra outra religião, um divinismo oracular abrasileiradamente sincrético; não é Espiritismo, mesmo porque nada conseguiu sê-lo após o passamento, em 31/03/1869, do Gênio Lionês ao mundo espírita, de onde ainda contempla o cumprimento desta profecia do Espírito de Verdade: "[...] as tuas melhores instruções serão desprezadas e falseadas".[3]

Assim, profecias são verdadeiras predições e se cumprem com rigor, exceção feita às mistificações de espíritos pseudossábios, como Emmanuel, Ramatis e assemelhados, que julgam saber mais do que realmente sabem, ou simplesmente insistem sobre aquilo que deve permanecer oculto, a fim de darem a impressão de que conhecem os segredos de Deus.[4]

[1] Revista "Espiritismo e Ciência" n. 53. Kardec e os Exilados. Cf. texto atualizado: http://ensaiosdahoraextrema.blogspot.com/2010_03_29_archive.html; Kardec Versus Emmanuel em 12 Passos, http://ensaiosdahoraextrema.blogspot.com/2011_06_12_archive.html, bem como esta palestra: http://www.youtube.com/user/sergiofaleixo#p/c/F40B80DEDC8DE9CF/0/4h4r6CxP8Rs
[3] KARDEC. Obras Póstumas. 12 de junho de 1856. Em casa do Sr. C.; médium: Srta. Aline C. Minha Missão.
[4] Cf. O Livro dos Espíritos, 104. O Livro dos Médiuns, 300.

Pois bem! E como dissemos no início, os catastrofistas de plantão logo vieram a público respaldar a suposta revelação profética. Um deles, o médium ramatisista e auto-proclamado "espírita universalista" Roger Bottini, já citado neste nosso espaço por afirmar receber mensagens de um deus da mitologia grega, saiu, mais uma vez, em defesa das mensagens de Hercílio/ Ramatis em seu sítio na internet, procurando confirmar as previsões do citado espírito com uma matemática elementar e bastante equivocada. O mais interessante é que o "médium" gaúcho cita e enaltece a reportagem em que Chico Xavier teria previsto as calamidades para 2019, mas ao mesmo tempo as prevê para 2036(!). Confiramos passo-a-passo essa declaração:

1 - O "médium" ramatisista começa criticando duramente aqueles que não creem nas previsões de Ramatis, chamando-os de "pessoas de visão estreita" :

"Um exemplo disso, é o sistemático ataque que sempre sofreram as obras de Ramatís por parte dessas pessoas de visão estreita; principalmente devido às revelações de seu profético livro "Mensagens do Astral", recebido mediunicamente pelo médium Hercílio Maes e publicado em 1956."

2 - Logo após, o "médium" tenta atrelar a tal reunião citada por Emmanuel, supostamente ocorrida em 1969, às previsões feitas por Ramatis:

"Ou seja, esse livro foi escrito bem antes do ano de 1969, momento em que houve a reunião do astral, citada no texto da pergunta, dando uma moratória de 50 anos a nossa humanidade para procurar corrigir-se antes dos cataclismos de fim dos tempos. No livro de Ramatís, o sábio mentor afirma que esses acontecimentos ocorreriam no final do século vinte."

3- Como as tais previsões de Ramatis para o ano 2000 não se cumpriram, a estratégia é responsabilizar o plano espiritual e afirmar que eles mudaram de planos:

"E, pelo que vemos nas referências de Chico, era isso que realmente aconteceria. (...) Voltando ao texto, vemos que as datas mencionadas por Chico Xavier fecham muito bem. Realmente, os eventos de fim dos tempos foram adiados e, a partir da próxima década, começarão a se intensificar os sinais de efetivação da transição planetária, sendo que por volta de 2036 teremos os mais impressionantes eventos."

Talvez temendo a proximidade do ano de 2019 e o consequente vexame advindo do fato desses eventos não se cumprirem, o sr. Bottini estica a previsão e, numa matemática bisonha, 1969 + 50 acaba resultando em 2036 (!).

Outro fato digno de nota é que consta do livro "Encontros no Tempo" (IDE), de Hércio Marques C. Arantes, publicado na época em que Chico Xavier ainda estava vivo, uma declaração do citado médium afirmando o seguinte:

"Muitas realizações para o Terceiro Milênio,segundo Emmanuel, poderão talvez ocorrer depois de 2990. Imaginemos, pois, certos fenômenos de triagem para séculos não muito próximos. Os amigos desencarnados afirmam que na próxima galáxia, de cuja vida e grandeza compartilhamos, existem numerosos mundos de feição primitiva, aptos a nos receberem para estágios mais simples de progresso espiritual, caso não queiramos seguir o surto de elevação de elevação em que a nossa Terra está penetrando."

Daí perguntamos ao estimado leitor: qual declaração mereceria e merece maior credibilidade? A primeira, relatada após o desencarne do médium, ou a segunda, tornada pública através de um livro enquanto Chico Xavier ainda estava entre nós?

Percebe-se aí a tendência, nos dias de hoje, de tudo colocarem na boca do médium Chico Xavier com o intuito de angariar notoriedade e, principalmente, credibilidade. A pouco tempo, inclusive, até mesmo uma dieta em forma de simpatia foi amplamente divulgada como sendo de autoria do mesmo. Confira clicando aqui.

Já a Doutrina Espírita em si, contida toda ela nas obras da Codificação, é cada vez mais posta de lado, e são poucos que a consultam antes de sair divulgando algo em nome do Espiritismo. Predomina a leviandade e a completa falta de compromisso ético-moral, tanto perante a própria Doutrina como com as próprias pessoas em geral, que certamente estão procurando o Espiritismo para se instruírem, e acabam tendo contato com mentiras, fantasias e mistificações de todo gênero, principalmente divulgadas por indivíduos de tendência mística e que, na mais das vezes, querem obter vantagens pessoais com tudo isso.

A Doutrina Espírita é demasiadamente clara e cristalina e não há como misturá-la a outras "coisas" de conteúdo duvidoso, que caem por terra ao menor arremedo de racionalidade e discernimento.

Como já pude recentemente dizer a um conhecido divulgador ramatisista por e-mail, nada temos contra alguém desejar aventurar-se no espiritualismo genérico. Que tenha boa sorte! Mas daí subverter uma doutrina tão clara e cristalina como é o Espiritismo é outra coisa, bem diferente.

Não podemos agregar tudo ao Espiritismo e ao seu Movimento a pretexto de caridade e boa convivência com pessoas que pertençam a outras doutrinas e/ou religiões. O Espiritismo não ensina intolerância religiosa, portanto fundar um movimento nessas bases é querer posar de "mais realista do que o rei", conforme a expressão popular. Podemos muito bem discordar e sermos fraternos, uma vez que ser fraterno não quer dizer que se deva aceitar tudo. Seria um contrassenso e uma violência à liberdade de pensamento.

O Espiritismo, por sua vez, nada tem a ver e não respalda qualquer previsão de "final dos tempos". A marcha evolutiva da humanidade se dará lenta e gradativamente, conforme as sábias leis de Deus e da Natureza. Isso se encontra bem claro nas obras da Codificação elaborada por Allan Kardec:

P. — Disseram os Espíritos que os tempos são chegados em que tais coisas têm de acontecer: em que sentido se devem tomar essas palavras?

R. — Em se tratando de coisas de tanta gravidade, que são alguns anos a mais ou a menos? Elas nunca ocorrem bruscamente, como o chispar de um raio; são longamente preparadas por acontecimentos parciais que lhes servem como que de precursores, quais os rumores surdos que precedem a erupção de um vulcão. Pode-se, pois, dizer que os tempos são chegados, sem que isso signifique que as coisas sucederão amanhã. Significa unicamente que vos achais no período em que se verificarão.

P. — Confirmas o que foi dito, isto é, que não haverá cataclismos?

R. — Sem dúvida, não tendes que temer nem um dilúvio, nem o abrasamento do vosso planeta, nem outros fatos desse gênero, porquanto não se pode denominar cataclismos a perturbações locais que se têm produzido em todas as épocas. Apenas haverá um cataclismo de natureza moral, de que os homens serão os instrumentos. (12 de maio de 1856 - Obras Póstumas)

O que pervaga pelo Movimento Espírita são indivíduos que desejam os holofotes e correm atrás de fama e de dinheiro advindos da exposição desses relatos confusos e fantasiosos, mui habilmente engendrados, em meio a discursos repletos de palavras bonitas e lugares comuns. Atentemos a isso e assim colaboraremos para uma divulgação séria desse colosso que é o Espiritismo. Essa é a parte que cabe a todos nós. 

Fonte: Blog Ramatis, Sábio ou Pseudossábio? 

 Blog de rafaelababy : ✿╰☆╮Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄ƷTudo para orkut e msn, Barrinhas divisorias
 
"Sigamos o exemplo da borboleta e façamos a nossa metamorfose
para uma vida plena de alegria, felicidade e abundância . Eu Sou Irene "
 
 
Empreendedora Digital, Humanista e Espiritualista
Eleita Cidadã Planetária Pelo Projeto
Voo da Águia
 
Eu Sou Irene

O ano da Bifurcação da Terra e Conexão Superior



O ano da Bifurcação da Terra e Conexão Superior

Por Natalia Alba

Meus amados,

Neste momento crucial da Criação, uma Nova Terra já está nascendo. Não somente estamos prestes a dar boas-vindas a um Ano Novo humano, mas também a um Novo Ciclo, uma vez que a frequência do número 1 deste ano de 2017 nos faz lembrar, que, de uma forma ou de outra, sentiremos o impacto e a subsequente mudança que a bifurcação da velha matriz da 3D tem sobre todos nós. 2016 foi um ano de constante integração da alma, e, consequentemente, de purificação das camadas inferiores do self - ao liberar antigos comportamentos/implantes e programas tridimensionais, principalmente por parte das almas que estão começando a despertar nesta época.

Começamos este ano sem grandes aspectos e com as energias muito tranquilizadoras, em janeiro, com Mercúrio ainda retrógrado até o dia 8. E com uma pacífica e amorosa Lua Cheia, em Câncer, em 12 de janeiro - preparando-nos suavemente para a intensidade desse período transicional. Embora isso não seja uma predição do ano de 2017, porque eu não faço predições, uma vez que em minha realidade tudo está constantemente se transformando, conforme o fazemos também internamente, e as predições são limitadas, no sentido de que restringimos o que vai acontecer sem sermos capazes de imaginar tudo o que existe por trás das cenas físicas. Isto é uma orientação que recebi e que já está acontecendo Agora dentro de nós mesmos e o que nós - de nossa perspectiva humana - já podemos ver a partir do estado de ser vibratório que escolhemos.

Neste ano de 2017, nossa missão, durante a transição para uma oitava mais elevada, como seres conscientes a serviço do Todo, e como Sementes da consciência da Nova Terra deste Novo Ciclo, que vimos aqui para ser, não para nos concentrar no que parece ser - ou no caos coletivo - mas fazer nossa parte por simplesmente permanecer em um estado mais elevado de ser todo o tempo. Não estamos aqui para convencer ou ensinar alguém, porque todos tem a própria fonte sábia internamente. Estamos aqui para reconstruir, ajudar Gaia e o Todo a curar apenas com a nossa mera presença. Não somos mais especiais nem estamos aqui para saber mais do que os outros. Essa é outra forma do ego espiritual e da fragmentação. Não interferimos nas escolhas alheias, porque isso não é o que as almas conscientes fazem, uma vez que estaríamos violando o livre arbítrio dos outros e impedindo que eles se lembrem por si mesmos. Nós, simplesmente, já passamos por aquilo que os outros estão enfrentando agora, outros que desceram diretamente dos Reinos Superiores para ajudar aqui. O importante é a intenção e o amor que colocamos no que fazemos e compartilhamos - não a origem de nossa existência.

Realmente, 2017 será o ano em que a Terra finalmente vai se bifurcar da velha 3D. Isso deve ser compreendido adequadamente, porque há muitas pessoas que, devido à falsa propaganda ou à falta de informação, acreditam que para que isso ocorra muitas pessoas tenham que morrer e/ou mesmo retirar-se a fim de acessar a Nova Terra e renascer como novos seres. É verdade que muitas almas podem decidir deixar o Planeta neste momento, devido aos acordos anímicos ou aos rápidos toques de despertar que ainda não são capazes de enfrentar. Mas, isso não é processo de um dia/ano e há mais do que os sentidos humanos conseguem perceber acerca de uma escolha da alma.

Existem infinitos motivos para que uma alma ou grupo de almas deixem o Planeta, mas o principal, de acordo com a orientação que recebo, não é para purificar Gaia, em absoluto, uma vez que o nosso Planeta já existe em uma linha de tempo futura e não há necessidade de forçar alguém a partir, mas, porque determinadas almas já cumpriram as próprias agendas anímicas. Nosso foco não deve estão nos outros, mas na nossa missão de alma e nos trabalhos interiores, porque, quanto mais pensamos que sabemos, menos conseguimos compreender internamente este corpo físico e limitado, a multidimensionalidade e as escolhas diferentes que as outras pessoas fazem, vist o que vai além do que podemos pensar, porque essas escolhas de alma são também interligadas com outras almas de diferentes reinos e assim por diante, e o quebra-cabeça inteiro nunca pode ser visualizado a partir de nossa perspectiva humana.

Quando utilizamos a expressão Nova Terra ou Nova Era, estamos nos referindo à frequência que conscientemente decidimos adotar, e quando incorporamos e vivemos de acordo com essa frequência, as mudanças começam a ocorrer em nosso plano físico como uma confirmação de que não estamos mais vivenciando uma realidade "inferior", mas não significa que literalmente todos que escolheram outra realidade partirá do Planeta. Lembrem-se, meus amados, a terceira dimensão e as dimensões inferiores da Terra permanecerão aí como uma marca para aqueles que escolheram permanecer experimentando a matriz da 3D, bem como para toda infusão coletiva energética que foi realizada desde o começo desta linha de tempo, portanto, permanecerá como outra escolha.

Quando deixamos de participar das ilusões da Terra tridimensional, encontramos apenas as pessoas que fazem ressonância com a mesma frequência que mantemos. Não mais precisamos ou devemos enfrentar relacionamentos egoicos enfraquecedores, porque já curamos/cumprimos nossos acordos "cármicos" e também integramos suas preciosas lições. Conforme continuamos constantemente a fazer o trabalho interior de nos desvencilharmos de mais do velho, durante este ano de 2017, constataremos que antigos cenários, situações e padrões que tendíamos a repetir, também se foram, porque estamos agora livres das ilusões, completamente comprometidos em construir e expandir internamente o Novo. Não é uma tarefa fácil nos adaptarmos a essa Nova vibração, assim como começar a criar uma realidade amorosa e compassiva para Todos.

À medida que o antigo corpo tridimensional desmorona, e enquanto passamos esse Ano Novo de 2017 para uma nova linha de tempo, mais almas começarão a despertar para a verdade e veremos como essas almas, mesmo as mais próximas, podem enfrentar depressão e frustração conforme se conscientizarem de que estão vivendo controlados em um mundo falso. A dor é o nosso melhor professor, é essencial acolher e aceitar, visto que mantém a sabedoria e a lembrança da alma. Quando o nosso eu humano está pronto e a nossa alma decide despertar o humano em nós, a mudança interna/física é enorme, e tudo começa a mudar de um dia para o outro, a partir desse "caos" em que o verdadeiro EU surge e começa a compartilhar o dom divino e único com o Todo.

Durante a separação da Terra, muitas pessoas, principalmente aquelas que estão começando a despertar, vão enfrentar um processo de purificação muito intenso, bem como alterações em seu sistema nervoso. Durante essa etapa de limpeza, elas podem estar repetindo constantemente antigos padrões a fim de unir-se com as linhas de tempo da Nova Terra, até que, finalmente, liberem as antigas memórias gravadas em suas mentes e recuperem todos os seus fragmentos anímicos perdidos - tornando-se seres soberanos, livres e plenamente conscientes das próprias escolhas.

Isso não é cármico neste ponto e nem quer dizer que não estejam evoluindo. Isso acontece até que o nosso aspecto humano compreenda por que continuamos repetindo esses mesmos antigos comportamentos e nos conscientizando de qual é a lição a ser aprendida, por trás de nossas ações, assumindo total responsabilidade por tudo o que acontece em nossa realidade, em vez de utilizar o mecanismo egoico de culpar outras pessoas e/ou as circunstâncias.

Nesse novo ano de 2017, também vamos ser ajudados em nossa etapa de rejuvenescimento com dois poderosos eclipses, seguidos por outros dois no fim do ano. O primeiro acontece em fevereiro, no signo de Leão. Um signo ardente que nos convida a queimar tudo o que não se origina de uma pura Fonte de Amor e Clareza, uma vez que sempre o fogo pode purificar, varrer as cinzas do velho ou destruir. O fogo, simplesmente é, está em nossas mãos o uso que fazemos dessa poderosa força. No mesmo mês, seremos abençoados com ou tro eclipse no signo de Peixes, da cura e da intuição, para nos acalmar no meio dessa transição intensa e nos ajudar a resgatar a força, enquanto permanecemos nas profundezas do nosso ser, recuperando os níveis mais elevadas da sabedoria.

Ademais, seremos ajudados a nos libertarmos de nossos casulos limitados, principalmente para as novas almas que estão despertando, com um eclipse libertador, no signo de Aquário, no mês de agosto. Cada alinhamento ou evento cósmico nesse novo ano nos ajuda nessa imensa transição em que estivemos imersos durante anos, para finalmente deixar a nossa conexão com a antiga 3D e começar uma desconhecida, porém maravilhosa jornada neste Novo Ciclo.

Para as almas em ascensão, que vêm trilhando esse caminho evolutivo anímico por um longo tempo, já estão sentindo a mudança interior de já viver em uma linha de tempo diferente. Não nos envolvemos mais em cenários inferiores, porque não desperdiçamos nossa energia com o que sabemos que é inútil e que não servirá mais à nossa experiência humana. Não colocamos nossa intenção na criação de realidades inferiores porque já vivenciamos e aprendemos com as experiências passadas. Optamos agora por nos tornar os observadores, e quanto mais incorporamos nossa Centelha Crística, mais veremos outras escolhas, mesmo aquelas que, às vezes, fizemos e que depois decidimos mudar, com amor incondicional, compaixão e gratidão por tudo o que aprendemos e por tudo o que alcançamos e amamos, uma vez que, no final, amar, ser e lembrar-se é o que realmente importa.

Em um nível mais aprofundado, para aqueles que já estão em profunda comunhão com a sua alma, fazendo o trabalho constante de integração da alma e incorporação de mais luz, que desce de nossa Presença EU SOU, esse será também um ano de conexão com outras civilizações estelares e/ou guias cósmicos. Alguns dentre nós já vimos fazendo isso por um tempo, outros, de fato, vêm fazendo mesmo antes de nascerem, e ainda outros começarão a experimentar essa forma mais elevada de contato à medi da que continuarem evoluindo. Tudo depende do lugar em que vocês estão em seu exclusivo caminho e estado vibratório que sustentam, enquanto a Terra continua assimilando o seu corpo pentadimensional, desvinculando-se totalmente do seu corpo de terceira dimensão, durante esse ano, mais vamos poder contatar os Reinos Superiores nesse âmbito de frequência que agora se tornou disponível mais ainda para a nossa nova realidade.

Quando falo em contato, não estou afirmando que outros seres que residem em diferentes domínios da existência estão vindo nos salvar, porque podemos fazer isso por nossa conta, nem estou dizendo que eles vêm aqui para interferir, porque conhecemos o livre arbítrio e o nosso plano anímico é extremamente respeitado pelas forças do Universo e pelos Reinos Superiores de Iluminação. Quando eu falo em contatar outros seres cósmicos/guias/civilizações, o que já está acontecendo por um tempo para alguns dentre nós, não estou dizendo que esses seres tenham que vir aqui, de modo físico, e falar diretamente conosco (exceto se tivermos um acordo de alma para ter essas experiências). Refiro-me a desenvolver comunicação telepática como uma nova maneira de comunicação, visto que esses seres cósmicos se comunicam sobretudo dessa forma, porque eles habitam nos planos mentais, com diferentes corpos e diferentes formas de consciência, igualmente.

Esse ano será decisivo para que a verdade oculta seja finalmente exposta, passo a passo, visto que não se trata de um processo de um dia. Para aqueles que estão prontos para receber, mais dos encontros com extraterrestres e outras formas de comunicação que foram escondidas por muito tempo, finalmente verão a luz. Cada um deve discernir o que é real do que é outra forma de manipulação das forças sombrias e dos governantes, porque cada um de vocês já possue a verdade internamente. Como sempre digo, outros seres cósmicos vêm aqui para ajudar e cocriar conosco, ao nos ajudar a lembrar de nossa verdadeira origem e poder, como seres divinos, com amor e lições vali osas, nunca por nos forçar ou exercer controle sobre nós.

Nossos irmãos e irmãs cósmicos são nossos companheiros, alguns já trilharam o caminho que estamos trilhando, em suas civilizações anteriormente. Outros, desceram diretamente da Fonte, depende de nossa frequência, com quem estamos prontos para entrar em contato. Eles não vêm aqui para serem idealizados, eles vêm aqui para nos ajudar a despertar nossas memórias anímicas e nos lembrar de que na verdade somos Um. Estamos aqui como uma extensão da Fonte, sob a ilusão da dualidade, separação e inferioridade, mas somos Um ser dividindo-se em múltiplos corpos e universos, experimentando o que se sentir separado significa. Nossa alma já se lembra, nossa alma já está conectada e pode se comunicar com Todos, precisamos apenas dominar nosso ser humano para permitir, sem temer o desconhecido, o que já é natural para nós como sementes estelares em que a mudança é parte de nosso estado natural de ser.

Vocês são o próprio Universo, conectados ao Todo na Criação. Todos esses seres/guias que alguns tão desesperadamente buscam, já estão dentro, a maioria deles são os eus futuros que nos orientam em nossa jornada terrena, os outros são outros eus nossos que estão experimentando reinos diferentes e mais elevados, de onde eles nos orientam. Eles não são superiores, eles apenas se lembram mais do que fazemos, a partir de onde estamos agora. Eles não podem nos salvar, uma vez que não somos seres sem esperança e vítimas que precisam ser salvos. Eles não podem controlar-nos, porque respeitam o nosso livre arbítrio e nos amam imensuravelmente, nenhuma das outras forças externas pode, como somente vocês podem, a partir de um lugar onde estão, podem conscientemente decidir para onde vocês estão indo. Vocês escolhem a frequência que sustentam e, portanto, os seres que vocês atraem. Vocês escolhem que nova camada do seu DNA está pronta para incorporar e a linha de tempo que gostariam de habitar proximamente. Ninguém os está julgando ou a sua passagem pela Terra, senão voc ês mesmos.

Estejam conscientes do uso que fazem da sua preciosa energia neste momento intenso, e sempre. Conheçam o papel da sua alma e os muitos dons que vocês estão aqui para oferecer, porque, quando vocês estão totalmente comprometidos com o serviço, o Universo inteiro os apoia, visto que vocês estão agindo dentro do amor divino para Todos. Lembrem-se de quem vocês são, quando os desafios e as forças sombrias surgem para testá-los, porque sabemos que elas são reais também. E quanto mais brilhamos, mais elas continuam a tentar criar confusão e ilusões em nós. Sintam o calor do amor divino com que vocês também estão impregnando cada parte do seu corpo humano e do seu ser, e saibam que vocês foram colocados aqui por escolha consciente da alma, em um lugar específico e perfeito neste Universo para serem capazes de ajudar o Todo com a sua frequência anímica e mera Presença.

Saibam que vocês nunca podem imaginar ou verdadeiramente sentir a gratidão e o amor que este Universo tem, devido a sua decisão de estar aqui neste momento crucial, quer vocês já estejam ascendendo, quer estejam prestes a optar por fazê-lo. Isso não é apenas para as Almas Sementes Estelares ou as Ascendentes, isso é para todos que, com um coração amoroso e aberto, estão aqui para incorporar a compaixão e o amor incondicional. Lembrem-se dessa verdade quando o seu eu humano fizer com que vocês se sintam fracos, incapazes de enfrentar desafios. Eles estão aí como oportunidades para que continuemos vendo o que é real e o que está aqui para fazê-los se lembrar do poderoso ser do divino que vocês realmente são, capazes de transformar quaisquer circunstâncias e situações que vocês criaram para si mesmos para começar.

Eu os amo sempre, independentemente da sua escolha, porque eu sempre me lembro de quem vocês são e da sua escolha consciente em estar aqui, neste momento, a serviço. Agradeço-lhes por serem corajosos por estarem aqui neste momento deixando brilhar a bela Luz que vocês são, e honro o papel exclusivo que vocês estão re presentando na Criação, que ajuda e impacta não somente este Planeta, mas também ecoa em cada canto de todo o Universo.

Desejo a todos um 2017 milagroso e o começo deste Novo Ciclo, meus amados!

Com amor e luz, sempre

Natalia Alba. 

Direitos Autorais: Natalie Glasson canaliza mensagens dos seres de luz que o Arcanjo Miguel orienta para vir comunicar a sua sabedoria e compartilhar a sua energia para o crescimento espiritual da humanidade. Estas mensagens canalizadas se concentram na energia que está vindo mais proeminentemente dos planos internos, enquanto oferece orientação espiritual e inspiração. Natalie é famosa pela variedade de Arcanjos, Mestres Ascensionados, Elohins, Fadas, Unicórnios e Elementais que ela canaliza, o que permite ao leitor se conectar e a compreender muitos seres de luz, que são aspectos do universo do Criador e estão auxiliando no processo da ascensão na Terra. Para maiores informações vá até o site deste link: http://www.natalieglasson.com/Contact_Me.html  

Fonte: Natalie Glasson, Wisdom of the Light, www.wisdomofthelight.com   - www.omna.org
Traduzido por: Tradução de Ivete Brito - adavai@me.com - www.adavai.wordpress.com 


©2016 Solange Christtine Ventura
Obrigado por incluir o link do website quando compartilhar esta Mensagem com outros.


 Blog de rafaelababy : ✿╰☆╮Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄ƷTudo para orkut e msn, Barrinhas divisorias
 
"Sigamos o exemplo da borboleta e façamos a nossa metamorfose
para uma vida plena de alegria, felicidade e abundância . Eu Sou Irene "
 
 
Empreendedora Digital, Humanista e Espiritualista
Eleita Cidadã Planetária Pelo Projeto
Voo da Águia
 
Eu Sou Irene

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Projeto Arquétipos em ação X Protocolo III - Professor Hélio Couto



Projeto Arquétipos em ação X Protocolo III


Projeto Arquétipos em ação X


Protocolo de Transformação Arquetípica III


Todos os Arquétipos estão em evolução da mesma maneira que tudo o mais no universo. Mantém suas características básicas, mas estão expandindo suas consciências. Em direção à perfeição. Onde os Arquétipos chegarão? Na mesma situação em que todas as criaturas devem chegar. Ter como prioridade absoluta trabalhar, estudar e ajudar.


Não importa se estamos vivenciando um só arquétipo ou muitos. Todos estamos no mesmo caminho evolucionário. Em cada momento da vida um determinado Arquétipo pode ajuda-lo numa coisa específica. Se está fazendo uma venda o Arquétipo do Vendedor estará ajudando. Se está escrevendo o Arquétipo do Escritor está ajudando. Não há nenhum conflito entre os Arquétipos.


Se não houvesse resistência do ego em deixar os Arquétipos trabalharem o progresso seria indescritível. Porém, quando um Arquétipo quer trabalhar é preciso deixa-lo trabalhar e não resistir a isso. Arquétipos gostam de trabalhar sem parar. Gostam de aprender sem parar. Gostam de trabalhar em equipe. Gostam de crescer sem parar.


Vejamos um exemplo: a pessoa precisa comprar uns produtos para o trabalho dela e o local que vende só abre as 11 horas da manhã! Imagine a frustração do Arquétipo com uma situação desta.


A filosofia de vida dos Arquétipos é o trabalho, a evolução, o crescimento, a prosperidade em todos os sentidos. E os Arquétipos trabalham com alegria, disposição, determinação, comprometimento, eficiência, com flexibilidade para avaliar a cada momento a melhor ação possível.


É por esta razão que é preciso avaliar muito bem se se quer trabalhar com Arquétipos ou não. Com eles não há limite de crescimento e nunca está bom. Sempre farão mais. É o impulso do universo que lateja dentro deles. Não há espaço para perder tempo de forma alguma. Além disso eles tem um canal aberto o tempo todo com o Todo. Estão unificados e individuados. Cada um tem uma Centelha Divina. E são felizes da forma que são.


Hélio Couto
www.arquetiposemacao.com.br

Oo*oO

Prosperidade Eterna II Características II


Prosperidade Eterna II


Características da pessoa próspera II


Imaginação


É a capacidade de transcender os limites do sistema de crenças. O que somos capazes de imaginar? Até onde pode ir nossa imaginação? Só podemos imaginar aquilo que acreditamos que é possível. Essa racionalidade da mente impede que sonhemos, imaginemos, planejemos novas possibilidades em todas as áreas. O sistema de crenças enrijece e imobiliza nossas ações que poderiam resolver todos os problemas.


Para imaginar é preciso pensar. Destinar um tempo só para pensar. Sem interrupções, sem barulho, relaxando e deixando o canal aberto para as ideias fluírem diretamente do Vácuo Quântico através dos microtúbulos nas sinapses (veja o trabalho de Stuart Hameroff). Esse canal está aberto o tempo todo bastando que acalmemos a atividade da mente para que as ideias venham para o consciente. As ideias mais inovadoras para a solução de todos os problemas estão lá esperando quem se disponha a capta-las e coloca-las em ação. Não há falta de ideias. O que é preciso é que o ego deixe as ideias virem à tona.


Quando se tem uma crença X todas as ideias alternativas sobre essa crença são descartadas. Mesmo quando todas as evidências mostram que aquilo não é verdade. Uma crença é apenas algo que acreditamos. Não é a realidade objetiva. Antigamente a maioria achava que a Terra era plana até que se provou que não é. Essa crença mudou porque foi possível provar concretamente (viagens, fotos da Terra) que não era plana. Mas, no caso de uma crença sobre algo abstrato ou que não seja comprovada pelos sentidos (ver, pegar, cheirar, tocar, ouvir) a coisa é muito mais difícil. E isso vale para qualquer assunto. E se uma área de atuação humana está com problemas e tem por base uma crença assim a solução pode demorar séculos ou milênios.


Na questão da prosperidade o limite é apenas aquilo que acreditamos que seja. Quantos produtos que hoje são de uso coletivo nem existiam poucos anos atrás? Daqui a alguns anos quantos produtos existirão que hoje nem pensamos que possam existir? Tudo isso está lá esperando por pessoas que tenham liberdade de imaginar e pôr em ação. Quais as alternativas que existem hoje para cada pessoa no planeta? Elas pensam nas alternativas? E quando pensam colocam em prática? Porque isso não acontece? Por causa da filosofia de vida, da visão de mundo, das crenças em suma. A prosperidade está ao alcance de todos, mas é preciso decidir agir.


Quando se conversa sobre alternativas, novas formas de pensar, novas formas de abordar o que já existe, é perceptível a dificuldade de "sair da caixa", como se fala. Expandir o raciocínio, enxergar as oportunidades, criar as oportunidades. E quando se enumera as novas possibilidades a resistência a pôr em prática é imensa por causa da zona de conforto. E zona de conforto é uma filosofia de vida. É fruto de uma visão de mundo. Tudo isso pode mudar bastando querer e fazer.


Hélio Couto

Oo*oO

Projeto Arquétipos em ação IX


Teseu e o Minotauro


Numa época Atenas estava sob o jugo de Minos, rei de Tebas. Este rei decidiu que todo ano os atenienses deviam entregar a ele sete rapazes e sete moças para serem jogados no labirinto do Minotauro. Teseu sabendo disso pediu ao seu pai, rei de Atenas, que fosse no lugar dos outros. Teseu era teimoso e conseguiu convencer o pai. Depois de velejar vários dias chegou no destino. Minos não gostou da troca de 14 por 1, mas foi convencido por Teseu, já que este era filho de um rei. Ariadne, filha do rei, assistiu toda a discussão. Na noite anterior ao sacrifício ela procurou Teseu para dizer da sua admiração pela coragem dele. Então ela entregou a ele um novelo de lã, que deveria ser desenrolado à medida que ele entrava no labirinto, pois de outra forma jamais conseguiria voltar. No dia seguinte Teseu foi jogado no labirinto com um escudo e uma adaga. Teseu fez então o que Ariadne recomendou: desenrolou o novelo na medida em que andava. Depois de um tempo encontrou o Minotauro e travaram uma feroz luta. Teseu matou o Minotauro e voltou para sua terra.


O fio de Ariadne são os planos alternativos que devemos ter em qualquer situação de vida. Muitas vezes é preciso um recuo tático e isso deve estar planejado. Depender de uma só profissão ou negócio é muito arriscado. É possível estudar duas ou três profissões enquanto se trabalha em uma. A preparação é fundamental, pois quando a oportunidade aparecer ela só poderá ser aproveitada se houve preparação anterior. Confiar na linearidade do universo é correr um grande risco, pois o universo é regido pela Teoria do Caos. As infinitas possibilidades estão sempre presentes e não dá para prever o que acontecerá em seguida. Os Cisnes Negros são o normal na vida. Cada Cisne Negro que aparecer pode ser aproveitado como forma de crescimento e evolução desde que já estejamos preparados para isso. Como estar preparado para Cisnes Negros? Tendo uma filosofia de vida que incorpore esse conhecimento e visão de mundo. Saber que as dificuldades e problemas aparecem inevitavelmente. Devemos estar atentos e preparados o tempo todo. Deve ser uma segunda natureza viver contando com os Cisnes Negros.


Saber que os desafios são o normal na vida. A vida como ela é. A história mostra isso claramente. Pegue um dia qualquer em qualquer século desde 6 mil anos até agora e veja qual era a situação em qualquer lugar do planeta. Bastaria pegar um jornal de uma época dessas e ver as manchetes. Guerras, doenças, desemprego, inflação, fome, assassinatos, etc. O dia a dia normal. Em Atenas um dia Péricles recebeu uma visita que ficou até de noite. Quando terminou a visita Péricles chamou um empregado e pediu que acompanhasse a visita até a casa dela, pois era perigoso andar de noite em Atenas. Algumas épocas mais e outras menos, mas sempre a mesma coisa em termos gerais. Em qualquer época que fôssemos viver teríamos os mesmos desafios e só poderíamos vence-los se eles fizessem parte da nossa visão de mundo. Desta forma não importa o lugar nem a época, cresceríamos de qualquer forma. E isso vale para o futuro que viveremos.

Hélio Couto

www.arquetiposemacao.com.br


Direitos Autorais: Copyright © Hélio Couto. Todos os direitos reservados. Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link: www.heliocouto.com

Oo*oO

Projeto Arquétipos em ação VIII


Ícaro


Dédalo chamou seu filho Ícaro e disse que tinha a solução para escaparem de Creta. Iriam construir asas e voar. Construíram as armações de madeira e colaram as penas com cera. Testaram e ficaram muito felizes pois voavam facilmente. Dédalo sempre dizia para o filho não chegar perto do Sol. Um dia Ícaro voou acima das nuvens maravilhado com a liberdade que desfrutava. Foi quando percebeu uma pena desprender-se da asa. Logo a cera começou a derreter e as penas foram caindo. Ícaro percebeu que não havia salvação e caiu no oceano. Seu pai o encontrou numa praia e o enterrou alí.


Quando desenvolvemos um novo projeto devemos analisar todas as variáveis do mesmo. Perder-se emocionalmente é comum, como aconteceu com Ícaro. Ficar inebriado e esquecer a prudência em relação ao que faz. Clareza de pensamento e visão de mundo realista é indispensável. Isso parece simples, mas a esperança ou desespero de achar uma solução impedem uma avaliação realista da situação. Enxergar o mundo como ele é. Joseph Campbell falava sobre a vida como ela é, o que praticamente dá no mesmo. Vejamos um exemplo: Napoleão quando entrou em Moscou em 1812 deveria ter recuado imediatamente, porém esperou semanas e isso foi fatal. Ele foi o maior general da sua época e mesmo assim não entendeu como era o inimigo. Não importa qual foi a razão, a questão é que a história do inimigo mostrava exatamente como ele iria reagir, mas para enxergar isso era preciso ver uma realidade nua e crua que normalmente não se quer ver. Estamos falando num caso em que se perdeu um exército de 500 mil soldados. Não era um projeto banal, mas um erro de avaliação foi o fim.


Guardadas as devidas proporções quando se começa uma nova profissão ou negócio a questão é a mesma. A pessoa está insatisfeita na profissão e quer fazer outra coisa. Agora ela enxerga os problemas que está tendo na profissão atual, porém se isso fosse explicado antes ela não aceitaria ou acreditaria. Está fazendo a mesma coisa em relação a ideia sobre uma nova atividade. Enxerga tudo cor de rosa e está cheia de esperanças. Quando se explica os problemas da nova profissão ela não acredita. O mesmo erro será cometido novamente. É por isso que a história se repete, mas não da mesma maneira.


É preciso controlar o ego para poder enxergar o que é preciso. A solução ou problemas estão óbvios, mas a pessoa insiste em não ver. E isso é por causa do sistema de crenças, pois a pessoa só vê o que concorda com o que acredita. Todas as informações que contrariam isso são descartadas. Por esta razão é preciso checar o sistema de crenças. Lembrar sempre que o mapa não é o território.

Hélio Couto

Direitos Autorais: Copyright © Hélio Couto. Todos os direitos reservados. Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link: www.heliocouto.com

Oo*oO

Prosperidade Eterna I Características I


Prosperidade Eterna I

Características da pessoa próspera I

Força


Esta é uma característica essencial. Força interior é necessária para que quando caiamos nos levantemos sozinhos. Força para lutar até a vitória e nunca desistir. Num mundo competitivo isso é fundamental. Essa força interior é indispensável para enxergar a realidade nua e crua. Viver na esperança ou ilusão é desastroso sempre. Ninguém que quer progredir consistentemente pode viver de ilusões. Enxergar a realidade exige uma tremenda força interior para não desistir quando vê a realidade.


Essa força nos permite avaliar corretamente as estratégias que devemos adotar, as alternativas e a coragem de implementar nossos planos. Vencer significa trabalhar diuturnamente sem esmorecer. Devemos definir nossas prioridades e ajustar nossa vida a isso. Quanto estamos dispostos a trabalhar para conquistar o que queremos? O quanto estamos dispostos a sacrificar para isso? Quanta dor aguentamos suportar para chegar onde queremos? Sem isso claramente definido é pura ilusão achar que chegaremos a algum lugar. É por isso que a maioria das empresas que são abertas fecham antes do primeiro ano. Estavam baseadas na esperança de que desse certo.


O presente é resultado do passado e o futuro depende do presente. Se no passado tivéssemos feito a lição de casa o presente não seria tão doloroso. E o que estamos plantando para o futuro? Será que já aprendemos as lições do passado?


Resiliência é a capacidade de resistir apesar da dor. Toda pessoa próspera é capaz disto. Sabe que tem um preço a pagar e paga sem reclamar. Nunca se deve esperar as condições ideais para fazer o que tem de ser feito. Devemos fazer com o que temos nas mãos. Lutar com o que a natureza nos deu. Tirar o melhor das nossas habilidades. Fazer as mudanças que tem de ser feitas.


Porém, isto é uma filosofia de vida. Essa filosofia é a primeira coisa a definir. E o sistema de crenças associado a isso. É preciso colocar o trabalho e o estudo em primeiro lugar. Enxergar todas as oportunidades que aparecem. Criar as oportunidades. Não ficar esperando que caia do Céu. Nós colapsamos as oportunidades. Colapsar não é mágica nem magia. É trabalhar usando todos os recursos mentais e físicos. Não ficar tentando que dê certo o que não pode dar certo. Ter sabedoria para enxergar isso. Fazer mais do mesmo não levará a nada. Diversificar os produtos, serviços, etc. Nunca ficar na zona de conforto. Inovar sempre. Não esperar que as soluções venham de fora. A solução está dentro de nós.


A principal questão sempre é se queremos ver a realidade ou não. E trabalhar para resolver os problemas e crescer sem parar. Atenção: a realidade é o que é objetivamente. Não é o que pensamos que é (na maioria das vezes). É preciso ajustar as crenças à realidade objetiva. Quando isso é feito o progresso é sem parar.


Hélio Couto

www.prosperidadeeterna.com.br

Oo*oO


Projeto Arquétipos em ação VI Protocolo II


Projeto Arquétipos em ação VI


Protocolo de Transformação Arquetípica II


Quando estamos vivenciando um só Arquétipo somos UCS: Uma-Coisa-Só.


Para nos transformarmos em SMC: Sou-Muitas-Coisas é preciso que deixemos entrar o novo Arquétipo sem colocar nenhuma barreira. Se isso for feito teremos dois Arquétipos compartilhando o mesmo hardware. Ora um está no comando, ora outro ou também pode haver uma mistura dos dois de forma a exponenciar a capacidade de viver do hóspede.


Essa disponibilidade de receber mais Arquétipos é uma escolha de livre vontade e que é benéfica para todos. A capacidade aumenta em todos os sentidos.


A questão aqui é deixar isso acontecer no máximo do potencial dos Arquétipos. Se está vivenciando um Alpinista é preciso subir na montanha quando ele tiver vontade. Cada Arquétipo quer expressar-se sempre. Todos os Arquétipos podem viver em harmonia desde que o hóspede permita. Todos os seres têm necessidade de expressão no mundo onde vivem. Sem isso a frustração é inevitável. Essa expressão faz parte do Grande Plano, que quer a realização de cada ser. Existe um equilíbrio perfeito entre todos os Arquétipos e a interação entre eles permite que todos cresçam o máximo possível. Todos os conflitos no Olimpo servem para a evolução.


Quando assumimos um novo Arquétipo nossa visão de mundo expande-se imediatamente e é como se uma cortina fosse tirada da nossa frente e víssemos o mundo claramente. Temos a visão, o entendimento, a clareza, a inteligência, a força, a vontade, a percepção, a ação do novo Arquétipo. Repito: para que isso possa acontecer é preciso deixar o Arquétipo agir livremente. Não devemos opor resistência ou querer controlar o Arquétipo. O ego tem de ceder para que o Arquétipo possa agir. Na verdade, todos são um. A pessoa e os outros Arquétipos são uma coisa só, mas são muitos em um só. Todos os Arquétipos compartilham entre si as novas possibilidades. Todos crescem. E nós também. Tudo isso feito com intenção benevolente e amorosa, com absoluto controle dos próprios atos, expande nossas capacidades. Os filhos dos deuses são humanos, mas conservam as características dos pais. Esta é uma grande vantagem, ser humano e ser deus ao mesmo tempo. Como Hércules.

Hélio Couto
www.arquetiposemacao.com.br

Oo*oO


Projeto Arquétipos em ação VII Perseu e a Medusa


Projeto Arquétipos em ação VII


Perseu e a Medusa


O rei Polidecto ordenou que Perseu fosse combater uma das três Górgonas: Medusa. Sua cabeleira era um ninho de horríveis serpentes. Além disso ela tinha o poder de converter em pedra quem olhasse diretamente para ela. Perseu aceitou o desafio e pôs-se a caminho. Chegando no castelo de Medusa viu muitas estátuas de pedras com formatos humanos. Entrando viu que as outras duas Górgonas guardavam o local. Elas compartilhavam um único olho, que trocavam quando era necessário. Perseu atirou uma pedra para o lado da que estava sem o olho e a irmã pediu o olho para ver o que tinha feito barulho. Perseu então cortou a cabeça da outra. Mas, antes ela gritou pedindo o olho. A irmã tirou o olho e jogou-o em direção da outra irmã, que já estava morta. Perseu pegou o olho no ar e cortou a cabeça da segunda irmã. Perseu escutou o grito de Medusa com ódio dele. Tudo escureceu de repente e uma semi escuridão permeava o ambiente. O rei tinha alertado Perseu para não olhar diretamente a Medusa e que só poderia olhar o reflexo no escudo que levava. Num momento Perseu sentiu que uma mão agarrava seu braço e tirava o escudo dele. Perseu caiu e ouviu uma voz dizendo para acordar. Perseu lembrou-se de que nunca deveria olhar Medusa de frente. Lutando desesperadamente com ela jogou-a contra a parede. Perseu correu e pegou seu escudo e olhou o reflexo para ver o que vinha pelas suas costas. Ela vinha em sua direção e ele só teve tempo de jogar-se no chão para escapar. Mantendo-se concentrado ao máximo olhou o escudo e percebeu quando Medusa estava muito perto dele. Virou-se então e com um golpe certeiro cortou a cabeça de Medusa.


Da mesma maneira que Perseu não podia olhar diretamente a Medusa e só podia ver pelo reflexo nós também não podemos ver as outras dimensões da realidade. Só vemos o reflexo nos acontecimentos diários de nossas vidas. O mundo é como a caverna de Platão. Não temos como olhar para fora da caverna e só podemos ver as sombras projetadas nas paredes. Nosso inconsciente é a mesma coisa. Não enxergamos o que tem nele, mas vemos seu conteúdo pelos resultados na nossa vida. Pelo reflexo também podemos enfrentar a Medusa. Não há necessidade de enxergar diretamente. Pelos frutos sabemos o que é a árvore. Analisando os resultados que ocorrem na nossa vida podemos saber o que está funcionando ou não. O que devemos corrigir, melhorar, aprimorar, que novos caminhos tomar, que mudanças de rumo, que alternativas novas , etc. Não estamos cegos diante na natureza da realidade. Apenas vemos o seu reflexo e isso é suficiente para enfrentar o que tivermos que enfrentar. A águia pega o peixe apesar da refração na água. Basta acordar e analisar o sentimento de Déjà vu.

Hélio Couto


 Blog de rafaelababy : ✿╰☆╮Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄ƷTudo para orkut e msn, Barrinhas divisorias
 
"Sigamos o exemplo da borboleta e façamos a nossa metamorfose
para uma vida plena de alegria, felicidade e abundância . Eu Sou Irene "
 
 
Empreendedora Digital, Humanista e Espiritualista
Eleita Cidadã Planetária Pelo Projeto
Voo da Águia
 
Eu Sou Irene

Projeto Acelerar o conhecimento I



Projeto Acelerar o conhecimento I

Objetivo

A chave da prosperidade é o conhecimento aplicado, mas antes disto é preciso adquirir o conhecimento o quanto antes. Todos os métodos e meios de conseguir o conhecimento são importantes. Principalmente a personalidade e a filosofia de vida da pessoa. As qualidades pessoais são fundamentais. O que pode conseguir uma pessoa que não tem determinação? O quanto ela será capaz de estudar ou terá motivação para fazê-lo? É evidente que a par de saber estudar é tão importante que personalidade cultivar desde a nascença. Uma pessoa fraca de vontade nunca conseguirá adquirir o conhecimento que precisa porque isso dá muito trabalho. Gasta-se uma tremenda energia para estudar e analisar o que se estudou.
O prazer de adquirir conhecimento é outra característica fundamental. Estudar é prazer. Aprender sem parar e cada vez mais. Quanto mais se lê mais se quer ler. Quanto mais se pensa mais se quer pensar. A energia cerebral gasta é puro prazer. O sistema dopaminérgico do cérebro pode ser usado para gerar prazer enquanto se estuda. Neste ponto o estudo torna-se uma segunda natureza para a pessoa. Ela não vive mais sem estudar. Este é o início de tudo. Adquirir conhecimento passa a ser tão importante como alimentação e sono. É vital.
Conhecimento é energia e toda energia pode ser transferida de uma forma ou de outra. Todos os ramos do conhecimento humano são importantes e contribuem para o aprendizado de todos os outros ramos. Conhecer a si mesmo para poder estudar da forma mais produtiva. Eliminar os pontos fracos da personalidade. Reforçar todos os pontos positivos. Utilizar todos os meios e todo o conhecimento já adquirido pela humanidade. Saber selecionar o que estudar, o que ler, o que pensar, etc. Diferenciar o que é importante do que é secundário. A vida é curta e é preciso discernir o que é importante fazer em termos de futuro. O conhecimento nunca se perde. Energia nunca se perde, só se transforma. Todo conhecimento adquirido nunca será perdido.
Entender que o conhecimento pode ser adquirido de inúmeras formas ainda não entendidas pela ciência. Importante assistir ao filme "O homem que viu o infinito" para entender isso. O conhecimento já existe. Basta acessa-lo, mas para isso é preciso estar preparado. O conhecimento é arquetípico. Ele flui como uma onda de energia do passado para o futuro. Vai e volta. Em determinadas frequências. Nós podemos sintonizar essas frequências quando queremos. Tudo tem método e forma de fazer. Mas, para tudo é preciso estar preparado. A oportunidade só frutifica para aquele que está preparado.
Neste projeto todas as possibilidades de adquirir conhecimento serão abordadas. Todos podemos ver o infinito.

 Professor Hélio Couto 


Blog de rafaelababy : ✿╰☆╮Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄ƷTudo para orkut e msn, Barrinhas divisorias
 
"Sigamos o exemplo da borboleta e façamos a nossa metamorfose
para uma vida plena de alegria, felicidade e abundância . Eu Sou Irene "
 
 
Empreendedora Digital, Humanista e Espiritualista
Eleita Cidadã Planetária Pelo Projeto
Voo da Águia
 
Eu Sou Irene

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

UM APELO ALIENÍGENA?


UM APELO ALIENÍGENA?


Chegou-me ás mãos há algum tempo uma mensagem que repasso neste meu espaço por ser interessante e se enquadrar nas coisas em que acredito. Desconheço o autor nem importa quem seja e sim o conteúdo da mesma. Aqui fica:

"Irmãos Terrestres, é com humildade e espírito fraterno que nos dirigimos a todos vós neste momento atual do vosso Planeta. A situação é grave, mais do que imaginam, e poderá haver grandes cataclismos ou ajustamentos planetários necessários a que não estamos alheios e estamos preparados para ajudar-vos quando chegar a hora e os dias de grande atribulação. 

É preciso porém que saibam a verdade de nossa existência a quem chamais de Extraterrestres ou alienígenas, pois há muito que vos observamos e sabemos os problemas que vossa Humanidade atravessa.

Não somos os monstros grotescos e agressivos que grande parte dos vossos realizadores de cinema inventam dando a ideia de que somos invasores a quem vossos exércitos devem repudiar se juntando para nos atacar. Estamos sim preparados para intervir e ajudar a Humanidade que caminha para seu extermínio pela loucura duma Guerra Nuclear pelo número de armas atômicas que já existem e dariam para destruir toda a vida na Terra tal como conhecemos. Elas não existem para outra coisa e por isso estamos atentos ao desenrolar dos acontecimentos no vosso mundo e agiremos antes que tal aconteça, pois as consequências seriam imprevisíveis até para outros planetas dentro do sistema solar.

Em breve grandes catástrofes ocorrerão pela degradação geral do Ambiente e desequilíbrios climáticos provocados pela vossa civilização que não pára de poluir, explorar ou exaurir os recursos naturais que já apresentam sinais de esgotamento e podem originar guerras ou grandes sismas nas populações. 

Muitos de vós já observais coisas que vos preocupam e tendes um forte pressentimento de que a Humanidade caminha sem sentido para um beco sem saída com graves crises sociais, conflitos, violência, assassinatos, atentados terroristas, novas epidemias e pestes que vão surgindo além das doenças que todos conheceis e fazem cada vez mais vítimas.

A Terra é um planeta cheio de vida, dos mais belos que conhecemos dentro do sistema solar, que corre riscos de se tornar um Orbe destruído e contaminado por uma espécie que apesar de ser 'racional e inteligente' se comporta de modo tão incoerente.

Desculpem a franqueza irmãos terreastes, mas muitos de vós sabeis que é verdade, pois a maioria vive caminhando como sonâmbulos, cegos, inconscientes, escravos de seus instintos atávicos e dos velhos sistemas políticos, econômicos e religiosos, que infelizmente fazem do vosso mundo um campo de batalhas, lutas e competições incompreensíveis onde só os mais fortes e astutos sobrevivem.

Todos são adversários entre si, desconfiando uns dos outros e até das próprias sombras, e os que governam os vários países do mundo colocam os interesses econômicos/financeiros acima de qualquer outro mais elevado como seja o da sua própria espécie e a preservação de todas as formas de Vida no Planeta. Depois quando falam de nós, os "Extraterrestres", acreditam que sejamos seres agressivos e monstruosos interessados em conquistar a Terra e fazer a Humanidade nossa escrava como se isso fosse verdade.

Não, meus irmãos, não há razão para nos temerem, nós somos seres tal como vós, filhos do mesmo Deus Criador do Universo, e queremos compartilhar com a Humanidade da Terra o nosso saber, o nosso conhecimento, tudo o que aprendemos há muito tempo, milhares de anos antes de vós. Muito do que sabeis foi inspirado por nós e alguns dos nossos encarnaram nesse mundo para vos ajudar a evoluir mais de perto. 

Estamos em missão de Paz e de ajuda aos seres humanos por sabermos o que se passa no seu mundo e os perigos que enfrentam. Possuirmos conhecimento e tecnologia suficiente para evitar o pior do que estão a atravessar e a originar nesse Planeta. A Terra está passando por "tempos difíceis" que há muito foram profetizados ou calculados por nós e não o evitaram apesar de nossas mensagens e comunicações pelos tempos. 

O modelo de Sociedade que construístes só pode conduzir-vos ao Caos e isso já se faz sentir um pouco por todo o lado com as crises politicas, econômicas e sociais com que vos confrontais. Pior é o facto do planeta estar sendo maltratado e destruído (desde a superfície ás entranhas) com a vossa civilização que precisa mudar de rumo antes que seja tarde e nada reste pela sua destruição.

O nosso apelo é dirigido a todos sem excepção. Unam-se e participem no grande Trabalho a realizar no tempo presente em benefício de todos, de toda a Humanidade". 

Que esta Mensagem surta efeito na vida de todos nós, independentemente de muitos acreditarem ou não na sua proveniência. 

Rui M. Palmela
 Blog de rafaelababy : ✿╰☆╮Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄ƷTudo para orkut e msn, Barrinhas divisorias
 
"Sigamos o exemplo da borboleta e façamos a nossa metamorfose
para uma vida plena de alegria, felicidade e abundância . Eu Sou Irene "
 
 
Empreendedora Digital, Humanista e Espiritualista
Eleita Cidadã Planetária Pelo Projeto
Voo da Águia
 
Eu Sou Irene